A primeira parte no record.pt e a segunda parte no tvtuga.com

Foi, assim, possível acompanhar o jogo desde Marbella, num internet café. É muito triste, o desprezo de "nuestros hermanos" pelo campeonato tuga.. Por outro lado, por aqui, tive a oportunidade de conhecer o sócio no. 119 do SCP.

Entretanto, pelo o que pude apreender: nâo parece que o Sporting tenha feito tudo o que podia para vencer, por medo de perder,, Empatar a esta hora do campeonato foi daqueles desperdícios. O título é possível, mas perdeu-se a oportunidade de o ter mais fácil - há a notar o modo como acabou o campeonato holandês.

Destaco duas postagens relactivas, respectivamente, à expectativa antes do jogo, depois da derrota do porto, e à expectativa agora, depois do jogo:

N`A causa foi modificada - A derrota de ontem do Porto é uma péssima noticia para o Sporting. Agora, se ganhássemos, ficar-se-ia a meio passo do campeonato. Demasiado perto da glória para jogar bem, fazer um bom jogo e ter sorte. Não somos clube para emoções e lutas até ao fim. Somos os melhores.

Na Floresta do sul - Continuo sem conseguir imaginar Jesuldo Ferreira a ganhar um campeonato; pode ser que o Sporting tenha muita sorte e faça sentido esta minha falta de imaginação.

sejamos um clube para emoções e lutas até ao fim!

Bom fim-de-semana!

Ricardo (capitão), Abel, Caneira, Polga, Tello, Miguel Veloso, Moutinho, nani, Romagnoli, Yanick e Liedson



(..são 11 contra 11 e no fim marca.. o Liedson.)

Lançando o jogo de Domingo: 1. o jogo d´o golo do Paíto, 2. o jogo da paratyaria na pequena àrea (do anu da tragvedia peseira) & 3. o jogo do 31

Liedson, Leão Indomável



1. Do jogo d´O golo do Paíto: para a taça, com os editores deste blogue na curva verdebranca, no galinheiro, para onde correu o Paíto a caminho do golo (fez uma curva à direita, cueca, golo), 3-2 aos 110min; dá-me a ideia que a curva verdebranca foi, aliás, responsável pela reacção... depois desse 110ºmin., estavam os glorificados a sair do galinheiro, estádio a ecoar a curva verdebranca, às tantas, está nisso, escândalo hugo-expulso-viana e tal, galinheiro dominado e ecoa-se "o simão é paneleiro, oh ooooh" e... foi o 3-3; enfim, depois, o responsável pelo melhor golo que me lembro de celebrar, com o az, falhou; perder de pé é perder, só que de pé.

2. Do jogo da paratyaria na pequena àrea: com o directo na costa-da-caparica, foi um jogo marcado por uma bola que havia de ter sido socada e que... foi desapitada, foi falta; um campeonato a menos no bucho (e um pouco menos de ânimo para o jogo que se seguiu), e menos um jejum para os glorificados; só prejuizo.

3. Do jogo do 31: foi o último, foi 3-1; foi com o Paulo timoneiro Bento; é do que se espera para o que se segue.

O golo do Paíto

(...)

Uma imagem num stand de Sintra e outra a divulgar a "Garra Centenária", em dia de regresso aos treinos

André Marques; Nani;


Ricardo; João Moutinho; Custódio; Paulo Bento;


André Marques, Nani, Ricardo, João Moutinho, Custódio e o Timoneiro, Paulo Bento.

Quantos são? # 4



Naval ao fundo.

O quarto post do "Quantos são?" chega com um 4-0 (Alecsandro x 3, e Moutinho), seguido por dois dias de folga para o plantel e o próximo jogo na barraca dos glorificados.

Há que lembrar da reacção do Rui Costa e do Fernando Santos depois do penúltimo jogo, em casa com o Braga: apontaram imediatamente para a luta pelo 2ºlugar.

O Sporting alimenta melhores expectativas - alcançar o 1ºlugar. Com um "bom amigo do óptimo" - temos o 2º lugar nos pés . Há 4 jogos e "bastam" 4 pontos para chegar ao título.

"Sampre an frã", como quem diz, sempre em frente. #

O Timoneiro - Paulo Bento

Paulo Bento



Sobre o jogo-que-se-segue: "A Naval é uma equipa com jogadores rápidos na frente, que pode proporcionar um bom espectáculo, por isso espero um bom jogo"

Sobre o campeonato: "Ainda podemos lá chegar. Temos de continuar a ganhar, a jogar com a mesma confiança e personalidade. Por outro lado, ficaremos à espera que o F.C. Porto possa perder pontos"

Sobre o segundo lugar: "só dependemos de nós. A equipa está bem, está segura e confiante. Mas é importante que não entre o excesso de confiança. O Sporting atrasou-se no campeonato por responsabilidade própria, porque perdeu pontos em Belém, no Bessa ou em Aveiro, e nesses jogos podíamos ter feito mais, mas também é verdade que com o Paços de Ferreira em casa e em Leiria, outros deviam ter feito melhor o seu trabalho e não o fizeram, e ficámos sem alguns pontos por culpa alheia. Na Madeira também nos apitaram um penalty fora da área e, por acaso, não calhou ficarmos com menos dois pontos"

Recusando a ideia que exista descompressão dos jogadores depois de terem assegurado a presença na final da Taça: "Não me parece que haja motivos para descomprimir. Estamos numa final da Taça, e temos quinze pontos para disputar no campeonato. Não temos qualquer título ganho, nem qualquer objectivo garantido, por isso não vejo qualquer motivo para podermos abrandar no nosso caminho. É um jogo extremamente importante para os nossos objectivos"

Sobre a pressão: "O Sporting conviveu bem com a pressão ao longo da temporada. Tivemos momentos difíceis, soubemos ultrapassá-los e é importante que esta juventude continue com a sua irreverência e vá crescendo gradualmente. Para isso é importante que os jogadores mais maduros e experientes ajudem a construiu um grupo que tem qualidade e potencial e que vá ganhando com o tempo a sua maturidade própria. Há, neste momento uma maior segurança da equipa, também pelo apoio dos adeptos que tem existido, por isso a equipa saberá dar uma boa resposta neste jogo para vencer os três pontos em disputa"

Sobre o assédio ao Nani: "O Nani tem de estar tranquilo. Sabe que o Sporting quer que fique, porque é um jogador com um potencial enorme. Ele deve pensar apenas em ser o Nani. Se pensar em desviar-se do seu caminho e quiser ser outra coisa qualquer terá dificuldades em ser um jogador de alto nível"

Sobre Polga e Liedson (ambos com quatro amarelos) em risco de exclusão para o derby: "Eles vão jogar. O responsável sou eu mas eles têm também a responsabilidade de ter um controle emocional que tem de durar os noventa minutos para não correrem riscos. É óbvio que também existem pessoas no terreno que vão dirigir o jogo e têm de ter essa responsabilidade de não agirem injustamente contra os jogadores. Lembro-me que contra Beira-Mar o Nani levou um amarelo numa bola que não lhe tocou na mão, e ficou com três amarelos, e tivemos de ter algum cuidado com essas situações. É que neste campeonato pode-se penalizar, mas não se pode despenalizar"

Os verdadeiros 100 anos

(pequena nota: a audição do vídeo implica controlar o volume porque tem partes com o som alto e outras com o som baixo)

"São mais do que 100 anos de história.
São 100 anos de esforço, dedicação, devoção e glória.
Venham lá mais 100"


Já mor?

Rápida e cheia de Moutinho, foi assim a passagem à final da taça, no fim de Maio. Os últimos a ir de férias vão a Jamor.



(à parte: faz-me "espécie" certo tipo de catalogações lampionas, eu que gosto de ver os jogos ao pé da juve leo e sou cabeludo)

Da Dobradinha *

Primeiro, amanhã, o Beira Mar no caminho para o Jamor - 2 jogos para agarrar a Taça;

Depois, 5 jogos para acabar o campeonato - é clara a necessidade do porto perder 4 pontos;

PORTO 59 pontos: Belenenses (c), Boavista (f), Nacional (c), P. Ferreira (f) e D. Aves (c)

SPORTING 55 pontos: Naval (c), Benfica (f), V. Setúbal (c) e Académica (f) e Belenenses (c)
.



Carla Matadinho - Garra Centenária



* a receita é simples... ganhar! Fazer 7 vitórias e esperar pelo resultado. Spoooooooorting!

Até morrer, Sporting allez!

Juve Leo Algarve

Uma curva belíssima, uma equipa fantástica

Os 31 anos da Juve Leo, featuring:
Sá Pinto, a "dar os parabéns à grande juve leo, eternos companheiros e fiéis amigos, e a grande força e a grande alma do Sporting! obrigado por tudo"
Beto, "31 anos é uma data que não esqueço porque também vou cumpri-los; foram muito importantes nos 17 anos que estive aqui nesta casa; continuem a apoiar porque são fundamentais no apoio à equipa"
Nélson, "para lembrar a importância que têm no apoio à equipa; falo por mim, pelos 9 anos que passei aqui"
Carlos Xavier, "parabéns à juve leo; e espero que daqui a uns aninhos estaremos todos juntos a celebrar mais 31 anos"
Oceano, "parabéns à juveleo; têm quase tantos anos como eu de sportinguista, tenho só um bocadinho mais"
Yordanov, "31 anos de existência a apoiar este grande clube que é o Sporting e a apoiar os jogadores, espero que continuem a fazer isso ao longo dos anos; e mais e melhor"
Ana Damas, "lembro-me da faixa que foi colocada pela a juventude leonina que dizia que os valores incutidos pelo meu pai são a dignidade do futebol e do Sporting; tenho a certeza que ele viu"
Ricardo, "olá pessoal; feliz aniversário, que contem muitos e eu a ver; o vosso apoio tem sido fundamental, mesmo nos momentos menos bons; um abraço"
Miguel Veloso, "que contem muitos e que estejam sempre a apoiar o nosso Sporting, que isso é que é o mais importante"
João Moutinho, "agradecer todo o apoio que nos têm dado; parabéns por estes 31 anos a apoiar o grande Sporting, este grande clube que é o Sporting"
Tiago, "a juve leo é bastante importante para a equipa, nos momentos mais difíceis é como se fosse mais um jogador"
Carlos Martins, "que continuem a dar o apoio a esta equipa que tanto merece"
Miguel Garcia, "agradecer todo o apoio que nos têm dado durante estes anos todos"
Caneira, "continuem por muitos anos e bons; para nós, tem sido um apoio fundamental, bastante.. à Sporting, mesmo"


Em casa com o Marítimo

Romagnoli



Não pude assistir a quase todo o jogo, assim, acompanhei o início da segunda parte pela rádio com a deliciosa informação de uma entrada a matar pelo incontornável e fabuloso Liedson, e da estreia do Romagnoli, claramente, a desabrochar. Depois, pude acompanhar em directo o golo do Alecsandro e saber de outro do Moutinho.

Foi tudo muito bom mas a surpresa mais inesperada ficou guardada para depois. A jantar na Portugália da Almirante Reis, o repasto foi acompanhado por um grupo da Juve Leo que veio do estádio e encheu o espaço de cânticos verde-e-brancos. Soube bem!

(da questão, imediatamente assinalada pelos lampiões que estavam na minha mesa, dos cânticos anti-lampião (que foram 2 ou 3, já para o fim, depois de muito verde-e-branco), é uma questão que me toca: acho que acaba por homenagear os glorificados. Por outro lado, é perfeitamente assente que eles são muitos e que assim conseguem justificar a necessidade de diálogo, ié, de lhes chamar uns nomes, mas, não compensa.)

Quantos são? # 3

Mais um Pazo* rumo ao 1º lugar!



* de Alberto Pazos, o novo treinador do Marítimo que lá terá de se estrear a perder.

13 da sorte

Tonel



O Tonel faz anos. Parabéns!

Quantos são? # 2

Nani


Nani em Alvalade ^

Miguel Veloso em Braga depois da quarta vitória consecutiva: “Foi a quarta, mas vamos conseguir a quinta, a sexta, a sétima…O nosso objectivo é bem claro. Queremos chegar ao primeiro lugar. Acredito que, se ganharmos os jogos todos, seremos campeões."

O onze provável para uma vitória, provavelmente, suada

Ricardo
Abel, Caneira, Polga, Tello
Miguel Veloso, Moutinho, Romagnoli, Nani
Liedson, Yannick
Spoooooooooorting!

Quantos são? # 1

Um de cada vez. A seguir, partir a pedreira.


Pedreira de Braga

A estreia a marcar

não aconteceu com o Polga, aconteceu com o Abel, mais um do Liedson para uma vitória tranquila - venham mais sete...

Para a recepção ao beira-mar,

para o "encosta à frente", um prognóstico, ié, uma expectativa desejada: um 1º golo para marcar uma grande época: vai Polga!


A. Polga