Tudo na mesma, a 180 minutos do fim

Liedson´s

na imagem: Cairu, a terra do Liedson


É isto. A dois jogos do fim, continuamos à espera que o porto escorregue, os lampiões à espera que a gente escorregue e ninguém à espera de nada deles, que são os que estão a dar mais ar de escorregar.

A esperança é, como se sabe, verde.